quarta-feira, 7 de abril de 2010

A batalha contra a reprodução indevida de obras na Internet não visa o interesse dos artistas

Comentar Enviar por e-mail Enviar por Twitter Publicar no Facebook Promover no Orkut Imprimir ou Converter para PDF Ouça este post Mais opções (pop-up)
Sony Music proíbe Beyoncé de postar seus clipes do youtube

A gravadora Sony Music proibiu a cantora Beyoncé de disponibilizar seus clipes no youtube. O selo bloqueou os vídeos postados no canal da popstar no site por infringir direitos autorais. É a primeira vez que uma gravadora adota sanções contra um artista com quem possui contrato. As informações são da "Efe".

No perfil de Beyoncé no youtube é encontrado apenas uma tela negra com a mensagem da Sony explicando a proibição. "Este vídeo tem conteúdos da Sony Music Entertainment, que o bloqueou em seu país por temas de direitos autorais".

Fonte: esquina da música

Isso apenas mostra o que todos já sabiam: a batalha contra a reprodução indevida de obras na Internet não visa o interesse dos artistas, mas sim dos intermediários, que lucram às custas do artista. O artista sequer pode tentar divulgar sua obra por conta própria como vinha fazendo a cantora. Vê-se que ela perdeu praticamente todo controle sobre suas criações, sobre as quais apenas lhe diz respeito uma pequena parcela dos lucros, enquanto a gravadora embolsa a maior parte. Essa é a realidade da maioria dos artistas nesse meio.

A verdade é que, com a evolução da Internet, esses intermediários estão cada vez mais desprestigiados, já que o próprio artista tem ao seu alcance ferramentas simples e baratas de divulgação. É o momento dos autores começarem a "restringir as restrições" contratuais que lhe são impostas, tomando de volta o que é seu de direito. Seria legal ver os contratos com gravadoras virem com uma cláusula BY-NC-SA daqui pra frente!

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails